Sábado, 29 de Dezembro de 2007

Magica Loucura!

 

Tinhamos encontro marcado.

Cheguei há hora combinada, já tu esperavas por mim.

O meu corpo começou a tremer, o meu coração estava inquieto enquanto a razão tentava disfarçar, as minhas mãos começavam a ficar geladas, a minha pele chamava pela tua e o teu cheiro invadiu-me os pensamentos. Não queria que sentisses que me deixava assim o simples facto de saber que ia estar contigo!

Estacionei!

Dei uma olhadela no espelho retrovisor para ver se continuava a sentir perfeita e sensual. A minha confiança mantinha-se e a exterior começava a perder-se, era o meu subconsciente a tomar conta de mim. Olhei em volta... Como gosto deste nosso porto de abrigo em frente ao mar que de inverno se torna tão deserto e de verão torna-se tão popular entre casais, tive a sensação que o sol se iluminava hoje especialmente para nós neste puro dia de inverno mas a brisa fresca não dava margem para erro, as ondas estavam bem fortes e pareciam desejar ansiosamente por mais uma troca de momentos de amor, não as querendo desiludir dirigi-me até ao teu carro! Destrancas-te as portas para me deixares entrar, os vidros fumados não me autorizavam a ver-te. Sorris-te-me e dei-te um beijo. Quiseste mais uma vez saber como tinha sido o meu natal mas como já sabias não ligas-te há resposta. Achas-te-me estranha, disses-te-me que parecia nervosa e querias saber o porquê de estar assim.

- Não sei! Parece que hoje quero-te mais do que em qualquer outro dia.

- Será apenas saudade?

- Não... Achas?

- Repete o que escreves-te ontem no "teu", "meu" quer dizer "nosso" blog.

- O quê?

- Vá! Não sejas assim. Gostei tanto do que li!

- Senti saudades tuas - disse eu com um tom de voz baixinho.

- Desculpa! Não percebi!

- S-E-N-T-I  A  T-U-A  F-A-L-T-A ! ! !

- Amo-te princesinha!

Não resisti. Como podia resistir depois de uma frase assim com um tom tão doce e cheio de ternura. Sabes como me arrancar as palavras, sabes o que sinto, sabes os momentos certos para cada coisa e isso puxa-me até ti!

És seguro e transmites-me segurança por isso não tive medo e avancei para ti com um beijo longo, profundo e muito sexy. O ambiente estava pronto a ser utilizado e o receio não impediu nada!

Desde os teus lábios, passando pelo pescoço, desabotoei a camisa e acarinhei todo o teu peito até encontrar o fecho das tuas calças. Tive medo por segundos, também pensavas que era uma loucura (até porque era um sitio publico... completamente deserto mas não deixava de ser publico) mas querias continuar e três palavras bastaram para continuar o jogo -"Segue o Jogo"- e depois disso já nada nos conseguia fazer parar!

Sem pudor levei os meus beijos até há tua parte mais sensivel e agradável que aos poucos ia tomando forma, estavas a perder o controlo mas isso não te importava e sentias-te bem assim. Os teus suaves gemidos entravam por mim a dentro como pura melodia.

O meu objectivo era virar o jogo todo para ti, queria dar-te o maior prazer possivel, sem pensar por momentos em mim!

Os vidros aos poucos ficaram embaciados, eram as temperaturas dos nossos dois mundos a surgir numa só situação.

Queria deixar-te louco por mim!

Mas decidis-te retribuir as sensações e empurras-te-me para os bancos de trás. A camisa parecia desabotoar-se sozinha, a saia teimava em subir e entre lambidelas marotas e mordidelas malandras fazias com que eu te quisesse mais e mais e muito mais de ti.

Por isso decidi virar o jogo novamente e continuei com o que tinha começado. Deste-te por vencido e nem insistis-te mais! Estava com muito mais energia a tomar posse do momento e continuei com o jogo oral até estares completamente em forma de me possuires. Sem te dar nenhum poder cavalguei sobre ti cheia de fogosa loucura e assim venci orgulhosamente o nosso melhor jogo!

Eu bem disse que tu ontem não me escapavas e embora penses que foi tudo propositado, não foi... Não foi mesmo!

 

Beijooo

 

.::.Humor Proibido.::.: super apiaxonada feliz!
.::.Musica Proibida.::.: Prince - Purple Rain
Quinta-feira, 27 de Dezembro de 2007

Natal...

Entre malas e bagagens mal tive tempo para estar no meu outro mundo, visitar o teu, visitar o vosso e desejar-vos a todos um Feliz Natal. Mas como o tempo as vezes escapa-nos entre os dedos sem oportunidade de o agarrar-mos nao consegui esticar-me por todos os lados.

O Alentejo esperava-me, a minha familia, os ridiculos protocolos, as tontas regras, os sorrisos cinicos, os abraços apertados, os doces tipicos, uma serie de disparates e mais uns quantos elogios e outras tantas ofensas. Felizmente este ano nao calhei na rifa e tudo correu bem.

Pronto... Ok admito... Senti a tua falta...

Amanhã não me escapas!

Satisfeito?

 

 

Quanto aos meus caros amigos blogueiros e visitantes espero que tenham tido um Natal tão bom quanto o meu... ***

 

Beijo em cada um de voces e em ti... fruto mais que proibido!

 

.::.Humor Proibido.::.: pronto admito...
.::.Musica Proibida.::.: Fergie - Big Girls Don't Cry
Sábado, 22 de Dezembro de 2007

As primeiras férias contigo!

Ai como é bom estar de férias, poder passar o dia inteiro a fazer o que quero e bem me apetece sempre contigo ao meu lado... É bom poder adormecer e acordar cheia de paixão, cantar e sorrir só para ti, libertar fantasias e realizá-las sem medos, nao ter horarios para amar, estar contigo (como sempre) as escondidas do resto do mundo, trocar beijos malandros e toques timidamente "calientes"!

É bom estar contigo aqui neste lugar que se torna o nosso porto de abrigo, onde nos refugiamos e segredamos os sentimentos que nos vao unindo, onde me contas histórias de (nao) principes e de (nao) cinderelas, onde me contas escandaleiras do teu tempo e ouves as do meu (que por sinal sao bem piores), onde acendes a minha chama erótica e deixas com muito prazer te influenciar por ela, onde relembramos a ocasião que traçou a nossa prependicular e os gestos iniciais do que somos hoje, onde me beijas a pele e tatuas a alma para que um dia quando tudo isto termine fique com a tua recordação com ternura!

Sinto-me bem nestes dias... Sinto-me segura e confiante! Sinto-me como se me pretencesses mais do que nenhum outro só pelo simples facto de ser com tanta admiração e uma pitada de obcessão!

 

Bom Fim de Semana!

 

Beijo Proibido!

.::.Humor Proibido.::.: a tua princesinha!
.::.Musica Proibida.::.: Reik - Sabes
Sexta-feira, 21 de Dezembro de 2007

PRÉMIO E NOMEAÇÃO

Passados aproximadamente 15 dias do inicio do blog gosto de ver e sentir as palavras que supostos desconhecidos aqui vão deixando gentilmente, sinto que posso exibir aqui neste mundo virtual sentimentos que no mundo real nao posso mostrar e que mais do que isso sinto que há pessoas que mesmo nao tendo historias iguais (até porque nenhuma história é igual a outra) sentem as mesmas coisas que eu! Deu-me um gozo e um brilhozinho nos olhos ver que o meu blog tinha sido escolhido como um "Diz que não é um mau blog" pela mulher que tem um amor enorme e que eu adoro ler, porque para além de ser directa expressa tudo aquilo que a maioria sente mas nao tem coragem para escrever com os próprios nomes das coisas... Blog esse que podem visitar aqui http://amordemulher.blogs.sapo.pt/

 

 

 

Estas são as regras:


        1. Este prémio deve ser atribuído aos blogs que considerem serem bons, entende-se como  bom os blogs que costuma visitar regularmente e onde deixa comentários.
        2. Só e somente se recebeu o “Diz que até não é um mau blog”, deve escrever um post:
- Indicando a pessoa que lhe deu o prémio com um link para o respectivo blog;
- A tag do prémio;
- As regras;
- E a indicação de outros 7 blogs para receberem o prémio.
       3. Deve exibir orgulhosamente a tag do prémio no seu blog, de preferência com um link para o post em que fala dele.
      4. (Opcional) Se quiser fazer publicidade ao blogger que teve a ideia de inventar este prémio, ou seja – Skynet - pode fazê-lo no post.

 

 

  E para o prémio nao acabar deixo aqui as minhas 7 nomeações perdoem-me caso já o tenham recebido e nomeado voces tambem uns outros tantos blogs e aviso desde já que a ordem nao foi feita pela preferencia.

 

1. http://muninamor.blogs.sapo.pt/

2. http://munina_rebelde.blogs.sapo.pt/

3. http://lagrimatua.blogs.sapo.pt/

4. http://poemasnossos.blogs.sapo.pt/

5. http://aminhadortemoteunome.blogs.sapo.pt/

6. http://mafiosa_reles.blogs.sapo.pt/

7. http://sandrcastrmonteiro.blogs.sapo.pt/

 

Um beijo e Obg pelo prémio!

 

Amiga AmordeMulher so não voto em ti porque nao sabia se era possivel! Porque eu gostava muitoooo de te nomear!

 

Beijo em ti meu especial naquele sitio que tu mais gostas!

.::.Humor Proibido.::.: babadissima do meu blog!
.::.Musica Proibida.::.: RBD - Inalcanzable
Quarta-feira, 19 de Dezembro de 2007

O meu passado que é para ti um fantasma!

Um passado que te aflige...

Um beijo que te prende...

Um olhar que te magoa...

Um toque que brinca contigo...

Um sorriso bem maroto...

Uma careta por vezes...

Um pensar de contradição...

Um desejo expontâneo...

Um sonho a dois...

Um mundo quase quadrado...

Uma poção mágica de fantasia...

Um dia unico...

Uma noite de loucura...

Um ataque de ciumes com razão...

Uma indecisão contagiante...

Uma aventura muito saborosa...

Uma relação aberta como agora é moda...

Uma noite sem ti...

Um dia sem mim...

 

 

 

Faz-te confusão o meu passado. Não sabes designa-lo quando pensas uma coisa e sentes outra, não consegues distinguir a emoção da razão e isso complica os teus pensamentos. Reages de maneira intimidada pois queres-me ensinar coisas que eu já sei. Ficas aborrecido e não percebes como é que em duas décadas uma pessoa pode passar por tanta coisa que a faz crescer, ganhar novos medos e novos valores da linha oposta àquela que viveu até há bem pouco tempo.

Acreditas que as pessoas nunca mudam quando todo o mundo te mostra o contrário!

Hoje perguntas-te-me se me sabia descrever à 4 anos atrás, a surpresa foi grande quando te disse " Era uma puta... Uma "cabra" " e acho que era mesmo. Sofri tanto com certo tipo de pessoas que cheguei a um ponto que já nao dava valor nem queria acreditar que a dita estabilidade emocional podesse ser possivel a qualquer nível que fosse. Menti... Desiludi... Magoei... Joguei sujo... Falsifiquei... Fingi... Prejudiquei... Teatralizei emoções... Enfim... Fui má!

Desde perder amizades verdadeiras -que consegui recuperar e que me fizeram acreditar na amizade de novo felizmente- até gozar com sentimentos de homens (pronto ok rapazes!) que não mereciam sofrer nem metade de algumas coisas que lhes fiz, por uma dita vigança psicológica de uma unica pessoa que fez com que eu magoasse outras tantas. Mas o unico GRANDE mal fiquei eu com ele e a dita vingança era de mim para mim e aperceber-me de tudo isso foi avançar na vida uns bons par de anos! Eu bem sei que os tempos mudam e que dantes nada disto se passaria com tanta à vontade, mas é a mais pura realidade e só a aceita quem quer.

Sorris Ironicamente!

Queres me ensinar coisas que só aprendeste passadas 4 decadas de vida e depois do teu divorcio, que eu já conheço minimamente! Mesmo aquelas que não tenha vivido sei a sua teoria!

E voltas a tocar na minha celebre frase...

Gostas de a ouvir e percebes agora porque a digo tão frequentemente!

Percebes agora porque o valor de traição fisica por vezes se torna banal!

Percebes agora porque é que a nossa diferença é apenas etária!

Percebes agora porque te admiro tanto e digo que nunca te esquecerei mesmo que daqui a minutos estajamos completamente afastados um do outro.

Percebes agora o que eu aprendi a valorizar interiormente!

E...

"Não me importa com quem dormes, importa-me é com quem sonhas!"

 

 

beijooo!

.::.Musica Proibida.::.: Alicia Keys - No One
.::.Humor Proibido.::.: sensualmente carinhosa
Sábado, 15 de Dezembro de 2007

O segredo que te contei

Contei-te hoje aquele mais bem guardado segredo que eu possuia. Confessei-te o que eu achava ser o meu mais estupido mini-unico-preconceito-educacional que podia alguma vez ter em mim, a tua reacção foi exatamente a que eu esperava.

Um segredo que pouquissimas pessoas sabem mas que todos desconfiam, um segredo bem guardado que já não conseguia ter só para mim, tinha medo do teu pensamento mas mesmo assim decidi enfrentá-lo pois como te disse ao pensar nas duas situações, são um bocadinho identicas.

Sempre fui uma miuda educada com muitos protocolos, protecção e escandalos familiares que a toda a hora eram minimizados ao mais ridiculo promenor. Sempre achei que não tinha preconceitos absolutamente nenhuns e que o mundo estava a mudar, já ninguem ligava nem dava importancia a aspectos que começavam a ser considerados ''normais'', mas aprendi que o (meu) mundo nao funciona assim! Só depois de passarmos por determinadas situações é que nos vamos conhecendo interiormente e cada pedaço da nossa existencia e dos nossos valores. A maturidade nao é uma disciplina que se aprenda é um bem intangivel que se conquista. E se houve situação que me fizesse crescer no meu ultimo ano e meio foi descobrir que as minhas duas melhores amigas eram homossexuais e que respectivamente andavam uma com a outra, nao me contaram directamente mas aperceberam-se de toda esta minha fase de crescimento interior e o motivo que o tinha provocado. A minha reacção ao ter a certeza foi ficar, como se o meu corpo todo tivesse parado, mesmo sem reacção alguma possivel. Fiquei esquesita o resto do dia, custou-me a digerir tudo isso e falei com elas. Pois apercebi-me que é um assunto que embora me faça confusão eu aceito e ,mais que aceitar, respeito.

A tua reacção como já esperava foi ficar escandalizado, não aceitares completamente aquela diferença que as destingue de todas as leis que nos ensinam e ainda para mais tu que nasceste e precorreste já algumas gerações. Não podia esperar outra coisa. Mas consegui dar-te a volta e lá acalmei a tua revolta.

Percebes-te agora o que sentiste?

Percebes-te agora o que é o preconceito e o que ele faz as pessoas?

Percebes-te como se julgam as pessoas sem conhecer-mos as verdadeiras razões para agirem desta ou daquela maneira?

É assim que, não só os homossexuais, todos aqueles que escolhem serem ''diferentes'' são tratados pela sociedade que nos vê crescer a cada dia. Pensa que a relação delas é como a nossa. Não podem mostrar os seus sentimentos, andam sempre com medo do que os outros podem dizer, têm uma reputação a manter, vivem um amor fechadas dentro de quatro paredes como se fosse um esconderijo, o povo reprova e fazem-nas sentir mal. Assim estamos sempre nos, com medo que alguem descubra o nosso maior fruto que nos une e com medo de represálias. Somos também nos olhados com discriminação... Afinal tens filhos mais velhos que eu e os meus pais sao mais novos que tu!

 

Um beijo

 

Bom fim de semana a quem vai passando!

.::.Musica Proibida.::.: Sem ar - D'Black
.::.Humor Proibido.::.: desanimada s/força p/continuar
Quinta-feira, 13 de Dezembro de 2007

Uma noite...

Já tinha saudades de te ter assim em mim. O teu abraço suave que me envolve em mil e um sonhos, onde o mundo toma a nossa dimensão, transforma toda a minha razão em doce emoção. O silêncio só é interrompido pelo nosso respirar. As mãos... O corpo... O toque... A tua presença... Aqueces-me a mente e revitalizas todo um sentimento que me avassala. Perdes o controlo, mas isso neste momento é o que menos te importa e só pensas em seguir, esqueces os nossos obstáculos, as nossas diferenças e a nossas idades. Somos apenas dois corpos humanos entregues as sensações da natureza e ao prazer que elas nos dão! Adormecer nos teus braços.Receber o teu abraço.Uma omissão calorosa para poder estar contigo. Sonhar com o nosso fruto proibido. Acordar-te com beijos e sorrisos. Ser feliz assim mesmo. Tinha saudades do teu sabor.

 

 

Beijo***

 

.::.Humor Proibido.::.: perdidamente sonhadora
.::.Musica Proibida.::.: Kelly Clarkson - A moment like this

.::.Fruto Proibido.::.

.::.Pesquisa.::.

 

Setembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
19
21
22
23
24
25
26
28
29
30

.::.Frutos Recentes.::.

...

Surpresa do dia!

Tu és... Eu sou...

Nada mais importa

Pensa...

Mais uma vez

De regresso...

Dança...

... a vida continua ...

Nervos a flor da pele

.::.Frutos Passados.::.

Setembro 2008

Agosto 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

tags

todas as tags

.::.Frutos Favoritos.::.

Não vou escrever nada par...

Um estranho pensamento

blogs SAPO

subscrever feeds