Quarta-feira, 17 de Setembro de 2008

Nada mais importa

Ouvi tanta coisa sobre ti nos ultimos tempos, têm me mostrado um lado teu que nunca conheci e criado em mim inumeras duvidas.

Mas sabes... Não consigo acreditar em nenhuma dessas "coisas", sejam elas verdade sejam elas puras mentiras. Sim, confirmo! Cheguei a duvidar e pos em causa se tudo o que sei de ti não seria uma ilusão que tinhas criado em mim, mas cheguei há conclusão que te admiro da mesma forma que antes e que não me interessam factos e histórias que te envolveram no passado. Comigo nunca foste assim e não consigo acreditar em tudo o que se especula, porque conheço um lado teu que muitos não conhecem, porque és comigo o que nunca foste com mais ninguém, porque o que sentes por mim não se descreve em palavras, porque o que me fazes sentir não se pode medir, porque a nossa verdade somos nos que a construimos, porque os que nos julgam não sabem o que é amar, porque os que não aceitam são aqueles que não são felizes, porque olho para ti e vejo uma pessoa totalmente diferente do que dizem, porque não acredito que possa estar enganada há um ano, porque destruimos obstaculos, porque vencemos metas e porque aprendi a amar-te pelo que és interiormente mesmo dentro da beleza dos olhos amendoa e dos lábios que me fazem tremer.

Não me importa o que dizem, nada vai mudar o que sinto!

Não me importa o que pensam, não vão conseguir mudar o que já fomos!

Foste a pessoa que me fez acreditar em sonhos (im)possiveis e que nada está perdido mesmo quando o mundo te rouba o sorriso. Foste o unico homem que me respeitou desde o inicio de tudo e mostraste uma educação tão genuina e segura que precisava ser apimentada. Foste a pessoa que me fez voar e voltar a sentir tudo o amor nos dá de melhor mesmo quando já achamos ser impossivel voltar a sentir algo assim e deixamos de acreditar no dito amor, seja lá o que ele for. Como diz a canção " Muitas vezes foi abaixo tive quase a cair/mas pensei em ti ..." e só por isso já vales por mil coisas que digam. Vou agradecer-te o tudo que fizes-te por mim na vida, vou admirar-te por seres o que és comigo, vou guardar todo o sumo do nosso fruto proibido e vou amar-te para sempre como pessoa por teres-me mostrado que sempre se pode voltar a viver e como mudar para ser alguém melhor. Não me sinto enganada como querem que me sinta, não me sinto prejudicada, não me sinto rancorosa pois não tenho razões para isso e sou feliz assim!

 

 

”… Não preciso de porquês, é mesmo assim. Mas mais do que porquês ou razões adoro olhar para ti e perceber o quanto gostas de mim. Não preciso que mo digas para saber pois não há segurança maior do que a certeza das coisas que são ditas sem palavras.“

 

 

Beijinho*

 

.::.Humor Proibido.::.: forte porque te amo
.::.Musica Proibida.::.: Lady, deixa-te levar - TT

.::.Fruto Proibido.::.

.::.Pesquisa.::.

 

Setembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
19
21
22
23
24
25
26
28
29
30

.::.Frutos Recentes.::.

...

Surpresa do dia!

Tu és... Eu sou...

Nada mais importa

Pensa...

Mais uma vez

De regresso...

Dança...

... a vida continua ...

Nervos a flor da pele

.::.Frutos Passados.::.

Setembro 2008

Agosto 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

tags

todas as tags

.::.Frutos Favoritos.::.

Não vou escrever nada par...

Um estranho pensamento

blogs SAPO

subscrever feeds